• 7 June 2016
  • brunafioruci

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu vincula-se à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo para fins administrativos e associa-se à Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual “Júlio de Mesquita Filho” - UNESP para fins de ensino, pesquisa e extensão.

O HCFMB é a maior instituição pública vinculada ao Sistema Único de Saúde na região. Estima-se que a abrangência populacional de atendimento do HC seja de 2 milhões de pessoas. Parte integrante da Diretoria Regional de Saúde (DRS VI) Bauru, o Hospital atende 68 municípios da região.

Nos termos da Lei Complementar nº 1.124, de 1º de julho de 2010, o Hospital das Clinicas é entidade autárquica, com personalidade jurídica de direito público, dotada de autonomia administrativa, financeira e patrimonial, sede e foro no Município de Botucatu e goza dos privilégios e isenções da Fazenda Estadual.

 

Missão
Tratar os pacientes de sua área de abrangência com eficiência (DRS VI – BAURU), em tempo útil, promovendo a satisfação, respeitando a respectiva dignidade, encorajando as boas práticas e favorecendo a melhoria contínua da qualidade.

Visão
Ser referência em atendimento hospitalar e promoção da saúde, implantar novos padrões administrativos e assistenciais, gerando rentabilidade compatível com o investimento realizado, otimizando os recursos públicos e respeitando o contribuinte.

Valores
No desenvolvimento da sua atividade, o Hospital e os seus colaboradores pautam-se pelos seguintes princípios e valores:

• Foco no paciente;
• Respeito pela dignidade, liberdade e reserva da esfera íntima da pessoa humana;
• Promoção das boas práticas profissionais e do seu constante aperfeiçoamento;
• Cumprimento das normas de ética e de ontologia profissional;
• Cultura de abordagem multidisciplinar nas práticas clínicas;
• Utilização eficiente de recursos;
• Cooperação com entidades externas no desenvolvimento e fortalecimento dos nossos princípios.

 

Nossa História

A estrutura que abriga o Hospital das Clínicas de Botucatu foi planejada em 1948 como sanatório para tratamento de tuberculose. Entretanto, nunca foi efetivado para essa atividade.

Em 22 de julho de 1962, por intermédio da Lei 6860, é criada a Faculdade de Ciências Médicas e Biológicas de Botucatu (FCMBB) vinculada aos Institutos Isolados de Ensino Superior do Estado de São Paulo. O artigo 7 da mesma Lei cria o Hospital das Clínicas com o texto: “Fica criado o Hospital das Clínicas da FCMBB, que funcionará nos edifícios do Hospital de Rubião Júnior, devidamente adaptados para esse fim”. Desta forma, sua criação teórica foi simultânea à da faculdade, inclusive compartilhando o espaço físico e a administração. Em julho de 1967, foi efetivamente instalado como Hospital das Clínicas, com a instalação da primeira Enfermaria.

Em janeiro de 1976, é criada a Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” – Unesp, reunindo os chamados Institutos Isolados de Ensino Superior do Estado de São Paulo. A universidade seria a única mantenedora do orçamento do hospital até que fosse celebrado, em abril de 1978, o convênio Unesp/INPS.

Após cinco anos da criação da Unesp, a unidade passa por significativa reestruturação administrativa e é criada a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar (Famesp), com a aprovação da Congregação da Faculdade de Medicina de Botucatu, o que trouxe mais agilidade à gestão de recursos no HC.

Em 1989, é criado o Sistema Único de Saúde – SUS, que coincide com o fim do modelo hospital-escola. Esses hospitais passaram a ser tratados como “hospitais universitários” e oferecer, majoritariamente, procedimentos de alta complexidade na rede pública.

 

Localização

Avenida Professor Mário Rubens Guimarães Montenegro, s/n
UNESP Campus de Botucatu - CEP 18618-687 - Botucatu-SP